Vazamento de Óleo nas praias do Nordeste vem do Campo de Tupi no Pré-Sal

Segundo publicações, as operadoras estrangeiras que ganharam na partilha do pré-sal no campo de Tupi, usaram um método que causou o vazamento de óleo. A notícia é compartilhada através de textos nas redes sociais e ainda é acompanhada por vídeo de militantes opositores ao governo Bolsonaro. Veja a mensagem que circula:

ATENÇÃO A GLOBO NÃO ESTÁ INFORMANDO A VERDADE SOBRE O DERRAME DE ÓLEO NO NORDESTE: O derrame de óleo no Nordeste foi provocado por operadoras estrangeiras vencedoras da partilha do Pré-sal em Tupy. Engenheiros da Petrobras no anonimato estão denunciando, que vem do fundo do oceano. Eles estão utilizando um método não aplicado pela Petrobras de alta pressão para a retirada do petróleo das jazidas do Pré-Sal partilhada, o mesmo metodo utilizado pela Chevron na bacia de Campos que causou uma grande fissura no leito do mar e derramento de óleo na bacia de Campos à anos atrás. ASSISTA AJUDE A DIVULGAR.

Mas será que, vazamento de óleo nas praias do Nordeste vem do Campo de Tupi no Pré-Sal?

Essa notícia chegou como uma bomba e deixou muitos surpresos, e também deixou os brasileiros revoltados com essa notícia. Mas essa história do vazamento ter a origem no campo de Tupi é real? A resposta é não.

Como nos outros casos, existe uma grave acusação. Mas tentando encontrar informações mais detalhadas de uma fonte confiável, não foi encontrar nada. Vale também ressaltar que pesquisadores de universidades mencionaram que o petróleo encontrado no Nordeste não é originário do Brasil, também é afirmado pela própria Petrobras.

Conclusão: A notícia onde fala que o óleo nas praias do Nordeste tem origem de um vazamento no campo de Tupi no Pré-Sal, é fake. Não há nenhuma comprovação de que o petróleo veio do campo de Tupi, também não há nenhuma fonte confiável que tenha afirmado isso. Portanto toda essa história é mentirosa. Só mais uma fake news que se espalhou nas redes sociais.