Hoje no programa do Bial, na Globo, vão falar sobre o julgamento do Bolsonaro

Programa do Bial de hoje vai falar sobre o julgamento de Jair Bolsonaro há 30 anos. A intenção é sujar a imagem do presidente. Pelo menos é o que diz a publicações que circula online. Ainda de acordo com a mensagem, o programa do Bial iria falar hoje sobre o julgamento que afastou #Bolsonaro do Exército há 30 anos. As publicações diz também que a Rede Globo seria contra os princípios de Deus, da Bíblia e da família.

Mensagem que está circulando:

Hoje no programa do Bial, na Globo, vão falar sobre o julgamento do BOLSONARO, há 30 anos, que o afastou do Exército. Uma pura covardia, para sujar a imagem do Presidente. É o desespero da Globo diante da falência já anunciada. Vamos repassar a informação, solicitando que ninguém assista a esse lixo de reportagem. E melhor ainda, um boicote total a Rede Globo lixo. Que sempre foi contra Deus, bíblia e família. Quem concordar, por favor repassem! Obgdo.

Mas afinal, será que o Programa do Bial vai falar hoje sobre o julgamento de Bolsonaro?

Logo que começou a circular nas redes sociais, esta informação causou grande comoção, especialmente entre os apoiadores e eleitores do presidente Bolsonaro, que ficaram revoltadas com a informação, porém esta informação não procede.

Para começar, a mensagem já traz consigo muita informação desencontrada para causar uma grande mobilização em torno de um programa de TV com uma mensagem vaga. Para ter ideia, não diz nem a data da transmissão, geralmente, utilizando a palavra ‘hoje’. 

Além disso, mensagens do tipos  já foram desmentidas vários no efake.org, casos, como o que apontava que a TV Record iria entrevistar Bolsonaro. Também a história que indicava que a Rede Globo entrevistaria Adélio Bispo ou que a Rede Globo iria entrevistar hoje o presidente Jair Bolsonaro e, por fim, o caso que pedia para que as pessoas desligassem as TVs e apagassem as luzes hoje.

No caso em questão, dois erros chama atenção. O primeiro deles é afirmar que o julgamento foi o responsável pelo afastamento de Bolsonaro do Exército. Em 1987, Bolsonaro, na época, capitão do Exército, concedeu uma entrevista à revista Veja reclamando dos salários pagos aos militares. Isso lhe rendeu um processo administrativo. Condenado em primeira instância, o ex-capitão foi absolvido das acusações em 1988. Já em 1989, Bolsonaro foi dispensado do serviço militar por ter sido eleito vereador do Rio de Janeiro. Ou seja, o afastamento não teve nada a ver com o julgamento.

Por último, o segundo  erro: a própria divulgação do programa, que se assistido na íntegra, o programa não teve nada de bombástico. A própria advogada que participou da entrevista refutou toda a tese. 

Em conclusão: Esta  mensagem que diz que o Programa do Bial vai falar hoje sobre o julgamento de Bolsonaro é boato! O programa, até tratou de fato, sobre o julgamento de Bolsonaro, em 1987 e 1988. Porém, ele não foi afastado do Exército por conta do julgamento, mas sim porque foi eleito vereador. Além disso, o já foi exibido no dia 16 de setembro de 2019 e não hoje como diz o texto.